o que é oee

Você sabe o que é OEE?

O OEE – Overall Equipment Effectiveness, que em tradução livre significa, Eficiência Global do Equipamento, é um dos indicadores mais usados por industrias de grande porte no mundo todo. Este índice é capaz de medir e representar a verdadeira realidade da eficiência operacional no chão de fábrica. 

Desenvolvido e introduzido por Seiichi Nakajima, um dos desenvolvedores da  metodologia TPM (Total Productive Maintenance), como uma medida fundamental para se avaliar a performance de um equipamento,  sendo usado como um dos componentes fundamentais da do TPM.

Cada dia que se passa cresce a busca pela maior produtividade e o menor custo, dessa forma, várias ferramentas e metodologias são cada vez mais utilizadas no ambiente fabril com o objetivo de alcançar o números impostos. Uma dessas metodologias é a Lean Manufacturing, que prega a filosofia da manufatura enxuta e foi onde o OEE começou a ser disseminado.

Como calcular OEE?

Veja o vídeo abaixo e aprenda como calcular OEE:

Diferente do que muitas pessoas imaginam, o cálculo do OEE – Eficiência Global do Equipamento é feito de forma simples e com informações básicas de qualquer processo de produção. O OEE é o produto de três linhas básicas de uma industria, que são: qualidade, disponibilidade e performance

A fórmula para calcular OEE é:

OEE = DISPONIBILIDADE X QUALIDADE X PERFROMANCE

Saber o que é OEE e como implanta-lo da forma correta, trará grandes resultados para a industria justamente pelo fato de trabalhar os três principais indicadores. 

Iremos calcular cada ponto desse da fórmula de maneira individual, para posteriormente chegarmos ao OEE.

DISPONIBILIDADE

disponibilidade = tempo produzindo / tempo programado * 100

Onde:

Tempo Produzindo é considerado apenas o tempo em que realmente gerou alguma produção tangível. Paradas para manutenção, setup, limpeza e organização do setor, por exemplo, não podem ser contabilizadas.

Tempo Programado é considerado o tempo total de programação para aquela demanda de produção.

Exemplo:

Em uma determinada linha de produção de peças usinadas, com capacidade de produção de 2000 peças por hora, foi programada a produção de 10 000 peças em 10 horas de produção.

Porém, durante o dia a máquina responsável pela usinagem das peças teve 2 paradas  de 30 minutos durante o dia, causadas por uma falha no sistema de lubrificação do equipamento. Então, subtraímos 1 hora do tempo produzindo, restando apenas 9 horas reais de produção.

% Disponibilidade = 9 / 10 * 100

% Disponibilidade = 90%

Peças Produzidas = 9000


PRODUTIVIDADE

% produtividade = Produção Real * Produção Teórica * 100

Ainda usando o exemplo acima, podemos ver que foram produzidas 9000 peças, então nossa produção real é de 9000 peças.

A produção teórica é igual a capacidade, que nesse caso é 20 000 peças nesse período.

Então:

% Performance = 9000 / 20000 * 100

% Performance = 45%


QUALIDADE

% Qualidade = Total de Peças Boas / Total de Peças Produzidas * 100

Supondo que das 9000 peças produzidas, 100 peças estavam com algum defeito de qualidade, ou seja, 8900 peças estavam dentro do padrão de qualidade.

Então:

% Qualidade = 8900 / 9000 * 100

% Qualidade = 98,8%

Agora que temos os índices de disponibilidade, performance e qualidade calculádos, podemos calcular o OEE:

OEE = 90% * 45% * 98,8%

OEE = 40%

Lembrando que o OEE é um indicador de eficiência, obviamente, devemos trabalhar para que ele tenha o valor mais próximo possível de 100%.

o que é oee

o que é oee

Valores Ótimos de OEE ou OEE de Classe Mundial

Podemos considerar um OEE de Classe Mundial quando o seu valor ultrapassa 85%, alcançados obrigatoriamente da seguinte forma:

% Disponibilidade: maior ou igual a 90%;

% Performance: maior ou igual a 95%;

% Qualidade: maior ou igual a 99,9%.

Apenas o fato de um índice de OEE alcançar 85% não significa que ele será de classe mundial. Também deverão ser alcançados os índices mínimos de disponibilidade, performance e qualidade.

Devemos levar em consideração as particularidades de cada processo e cada industria. Cada empresa deve conhecer os valores ótimos de seus indicadores e trabalhar para que esses índices sejam alcançados e mantidos de forma sustentável.

Planilha para Cálculo do OEE [BAIXE GRÁTIS]

Agora que você já sabe o que é OEE, clique no link abaixo e baixe uma planilha para cálculo de OEE, capaz de gerar até outros 11 indicadores.

https://engeteles.com.br/planilhaoee

o que é oee

 

Imagem padrão
Jhonata Teles

Jhonata Teles é profissional certificado internacionalmente pela SMRP – Society Maintenance & Reliability Professionals, na categoria CMRP – Certifield Maintenance & Reliability Professional.

Especialista em Gestão, Planejamento e Controle de Manutenção, Analista de Vibração com certificação Nível 2 pela FUPAI e certificação internacional pela Instituição Canadense Mobius Institute, especialista em Lubrificação Industrial com certificações internacionais MLT-1 e MLA-1 pelo ICML – International Council of Machinery Lubrication.

Possui mais de 12 anos de experiência em indústrias de grande porte, sempre dedicados a Gestão da Manutenção, PCM e projetos de Confiabilidade Industrial. Atuou como Analista de Vibração, Consultor Técnico, Supervisor de PCM, Coordenador e Gerente de Manutenção em indústrias dos segmentos alimentício, higiene e limpeza, químico, metalúrgico e cimenteiro.

Autor dos livros e métodos de capacitação: Planejamento e Controle da Manutenção DESCOMPLICADO ®, Bíblia do RCM e Gestão de Paradas de Manutenção.

Como Diretor de Operações da ENGETELES já liderou mais de 300 projetos de consultoria no Brasil e em seis países, além de ter capacitado mais de 10.000 profissionais na área de Gestão da Manutenção.

Artigos: 98